Estrela Cadente

terça-feira, 12 de janeiro de 2010


Sempre tive por hábito contemplar as estrelas.
Gosto da sensação de conforto que elas
Transmitem-me quando em volta tudo está escuro.
Aquela noite, eu as admirava como se quisesse
Esquecer do resto, daquela momentânea rotina
Que acabara de me conquistar de vez.
As olhava com tremor e admiração quando a vi.
A vi de soslaio e por um reflexo quase humano
Fiz um pedido.
Nunca pensei que aquele pedido fosse me seguir
Pelas linhas do tempo.
Nunca pensei que iria se tornar realidade,
Nunca imaginaria que devia ter pensado bem
Antes que aquele meu desejo infantil se
Realizasse...
Ainda hoje busco por ela, tentando cancelar
O que, tenho certeza, ela desenhara por mim.

1 cabelos cairam:

Wander Design Says:
13 de janeiro de 2010 11:12

Ótimo texto...
ás vezes temos tantos desejos que não sabemos o que fazer com eles quando acontecem...as vezes sou assim tbm...

mas muito maneiro seus textos
pena que não tenho esse dom de escrever..rs

Postar um comentário